Espaço e Tempo Revelar LX
Espaço e Tempo Revelar LX
APRESENTAÇÃO PONTOS INTERESSE PROJECTO ESCOLA MAPAS ACONTECE ENVIE POSTAL EFEMÉRIDES ENGLISH  english
 
SABIA QUE...
Página Principal > Pontos de Interesse > Equipamentos > Bibliotecas > O a Z > Poço do Bispo (Biblioteca Municipal do )
Poço do Bispo (Biblioteca Municipal do )
Palácio da Mitra, 1945, André Salgado, Arquivo Municipal de Lisboa, AFML - A7021 (Clique para ampliar)
Palácio da Mitra, 1945, André Salgado, Arquivo Municipal de Lisboa, AFML - A7021 (Clique para ampliar)

Localização
Palácio da Mitra, Poço do Bispo

Data
17 de Outubro de 1934

Em sessão de 9 de Novembro de 1933, o vereador Luís de Macedo propunha a instalação de uma Biblioteca Popular no Palácio da Mitra, ao Poço do Bispo, para suprir a “necessidade espiritual daquela zona urbana”, bairro populoso da cidade.

Em 29 de Dezembro desse ano, era definido um caderno de encargos, segundo o qual a Biblioteca, a ocupar o andar térreo do Palácio, seria composta de uma casa de entrada, uma sala de biblioteca de uso privativo, duas salas de leitura para o público, uma terceira sala de leitura com carácter reservado, três salas para guarda de livros, um vestiário com instalações sanitárias para homens e mulheres, e uma casa do guarda.

Biblioteca Municipal do Poço do Bispo, 2003, Ernesto Matos (Clique para ampliar)
Biblioteca Municipal do Poço do Bispo, 2003, Ernesto Matos (Clique para ampliar)

A Biblioteca Municipal do Poço do Bispo foi inaugurada em 17 de Outubro de 1934, pelas 15 horas, no Palácio da Mitra, ficando a ser a quarta biblioteca mais antiga da Câmara Municipal de Lisboa. As suas instalações eram “decoradas de harmonia com o conjunto arquitectónico do histórico edifício, e adaptadas às regras biblioteconómicas modernas, como sejam condições de luz, para leitura nocturna, e pavimento de cortiça”. 

Extinta em 30 de Setembro de 1960, o seu acervo documental  foi transferido para o actual edifício, sito na Azinhaga do Vale Fundão, em edifício anexo ao Grupo Escolar, tendo o serviço de leitura de presença começado, eventualmente, nesse mesmo ano, iniciando-se o empréstimo domiciliário em Janeiro de 1963.

A partir do fundo original transferido do Palácio da Mitra, e contando à data da inauguração com cerca de 3.000 volumes, o seu espólio, essencialmente generalista, cresceu orientado no sentido de responder em primeira instância às necessidades da população local, com especial atenção aos estudantes.

Em 10 de Julho de 1990, o embate de um camião no edifício causou danos num muro e na parede da sala de leitura, deixando-a inoperacional durante largo tempo.
 
Em 1993, foi cedida a Casa dos Jardineiros, anexa à Biblioteca, para ser utilizada como sala de animação e promoção da Leitura, tendo as obras para o efeito sido concluídas em 1994. No entanto, a degradação progressiva das instalações levou a que em 1 de Janeiro de 2002 a Biblioteca deixasse de prestar o serviço de leitura domiciliária, tendo em 1 de Março do mesmo ano encerrado ao público.


Saber mais em:


Voltar contacte-nos imprimir página guardar página enviar endereço
Mapa do Sítio | Perguntas Frequentes | Assine o Livro de Visitas | Política de Privacidade e Segurança | Adicione aos favoritos | Sugira a um Amigo | Links Úteis
  Bibliotecas Municipais de Lisboa Arquivo Municipal de Lisboa Símbolo de Acessibilidade Visite o sítio português do projecto light Projecto co-financiado por Bandeira UE INTERREG 3C Câmara Municipal de Lisboa  
© 2005 - REVELAR LX - Todos os direitos reservados.  seara.com